Nova pesquisa revela perigos da copa

A copa é uma forma de terapia comumente usada para alívio da dor e para tratar constipações. Envolve a colocação de um copo de vidro ou plástico, por vezes aquecido com a ajuda de um acelerador para criar sucção, sobre a pele. Segundo os praticantes, à medida que o ar arrefece, o copo contrai-se, trazendo sangue à superfície e removendo toxinas.

Lead researcher Marc Seifman, um cirurgião plástico que trabalhou no Victorian Adult Burns Service no The Alfred, diz que, embora a lesão grave não seja felizmente comum, os praticantes devem alertar os pacientes para os riscos.

>

“Como a terapia envolve calor, as queimaduras podem ser uma consequência não intencional, especialmente se não forem realizadas correctamente ou por um médico registado”, disse o Sr. Seifman.

>

“O nosso estudo identificou que das pessoas que sofreram queimaduras devido a procedimentos com ventosas, todas as lesões foram acidentais, e a maioria ocorreu em casa.

>

“Embora tenha havido apenas um pequeno número de queimaduras graves relacionadas com ventosas registadas, acreditamos que há provavelmente muitos mais casos de queimaduras menos graves.”

O estudo examina mais de 18.700 pacientes inscritos no Burns Registry of Australia and New Zealand durante um período de sete anos (2009-2016).

Identificou vinte pacientes, com uma idade média de 48 anos, que sofreram queimaduras associadas a ventosas, incluindo queimaduras por chama quando o álcool metilado ou outros aceleradores se inflamaram.

Patientes, na sua maioria homens, necessitavam de internação hospitalar e tinham queimaduras em diversas áreas do corpo, inclusive no rosto, mãos e parte superior e inferior do corpo, sendo que oito deles necessitavam de enxerto de pele.

“Embora haja poucas evidências que sugiram um benefício fisiológico, muitas pessoas relataram encontrar alguma forma de alívio no tratamento”

“Qualquer pessoa que considere esta forma de terapia deve estar atenta ao risco associado com o uso de copos”

O estudo é publicado no Medical Journal of Australia.